quarta-feira, 23 de março de 2016

NOVAS FOTOS DE CHIPERA

Do nosso amigo e camarada José Abílio Mourato, recebi um mail bastante interessante sobre a nossa Chipera e que passo a transcrever para todos vós, com a devida vénia.
Começa assim:
“Com os melhores cumprimentos a todos os amigos ex-combatentes.



Há cerca de 2 anos enviei-vos umas fotos sobre o que era a realidade da Chipera onde estivemos, no que diz respeito ao que restava do nosso aquartelamento.
Essas fotos de então foram-me remetidas por um pastor da igreja adventista.
Pois bem agora descobri um JOVEM  muito simpático, de 18 anos que vive no Fingoé onde tem uma barbearia.
Nasceu na  Zambia para onde fugiu a família por causa da guerra civil entre a FRELIMO e a RENAMO
Regressou a Moçambique em 1998 com alguns meses de idade e agora fixou-se no Fingoé. 
Falei-lhe da Chipera que me disse conhecer muito bem, tendo-se logo prontificado a enviar-me umas fotos logo que lá se deslocasse.
E assim aconteceu: o Moisés foi à Chipera na sua moto,  no dia 20.03.2016, cumpriu a promessa e tirou 17 fotos lá do aquartelamento, todas com muito boa qualidade e  que agora vos envio, bem como a transcrição do  essencial das conversas que tivemos na troca de e-mails.
Abraços a todos os que de uma forma ou de outra foram tocados pelas atribulações da guerra do Ultramar.”

“Bom dia amigo
Li no Google que vive no Fingoé onde tem uma barbearia,
Sou Português e conheço essa zona de TETE pois estive na guerra colonial em Chipera nos anos de 1972 a 1974.
O meu amigo conhece Chipera?
Já lá foi alguma vez?
Do Fingoé para a Chipera vai-se lá de JEEP, moto ou carro?
Gostava que me respondesse a estas perguntas e depois até pode ser que a gente fique unidos pela amizade.
Aguardo a sua resposta 
Grande abraço" 

RESPOSTA

"Boa tarde, boa noite, bom dia, conforme o período que estará a ler este e-mail.
Sim eu sou da Província de Tete, Fíngoè,  Distrito da Maravia. 
Sim Chipera eu conheço, fala-me mais sobre você. Tenho um amigo da aulas lá em Chipera.
Assim onde se localiza neste momento?
Eu até posso enviar lhe algumas fotografias actuais... mudou um pouco, as vezes viajo para lá para comprar peixe no rio Zambeze,
Fingoè Barber Shop é um centro comercial localizado em Fingoé distrito da Maravia, o mesmo foi financiado por FDD ( Fundo Distrital Desenvolvimento).
Meu nome é Dinho Camono, filho de Moisés Camono e de Maria Alfredo Domingos, Moçambicano nascido aos 08 de Janeiro de 1994, em Ukwimi zâmbia, voltei com a familia em Moçambique quando tinha 9 meses, teve baptismo na Igreja Church of Krist dia 25 de Maio de 2014, profissão Barbeiro profissional actualmente.
No Fingoè, temos Luz, acesso a internet 3.5G,  Loja (pequenas lojas) no caso de computadores, celulares (Smart Phone), Motorizada. 
Material de construção compramos na Cidade de Tete é um cidade onde tem boas coisas.
Viajei para Chipera ontem data 20 de Março de 2016, saímos ás quase 07h37 e lá chegamos aproximadamente às  10h50.
De Fingoé para Chipera são 100km, Foi uma boa viagem e também aproveitar e conhecer algumas zonas, lá não mudou tanto assim conforme viu as fotos.



 






Chipera tem 5 bancas que vendem produtos da primeira necessidade no caso de açucar, cerveja quente porque lá não há energia, comida ( massa/ Xima de milho ) e outras coisas.
Não tem loja, algumas daquelas casernas servem de Salas de aulas não reabilitado é daquela maneira que viu nas fotos, e aqueles outros blocos são quartos de alguns professores.
Fora do Quartel aquelas outras casas do tempo colonial servem de casa de Chefe da localidade, sector da Admistração e  Hospital.
Fui ver lá no Quartel aquela pista, aquele Túmulo e lista do chefe e Comandante Da Cunha,  campo de futebol etc.
Chipera Quase 75%  está daquela maneira que vocês deixaram.
A maioria dos homens, Jovens de Chipera são pescadores passam o tempo lá no rio Zambeze, deixam  esposas em casa.
A vida em chipera (África) é péssima você viveu e testemunhou.....
Fora do Quartel  é onde vivem a população de Chipera, tais como: Chefe de Localidade, Administração, hospital e Bancas estão quase juntos.
A policia ocupou uma das Casernas lá no quartel, se fosse outra pessoa lhe tornaria difícil  tirar as fotos, só porque o meu paí é reformado trabalhava no registo, e agora trabalha no Partido,  não houve desconfiança. Mas também o meu pai se divorciou  da  minha mãe.
Desejo lhe felicidade, paz, sorte, cumprimentos a toda sua família e Deus te abençoe.
Se houve falha na escrita... já sabe o português apareceu convosco ( Vasco Da Gama ) não dominamos bem.
Será que amigo usa também o Whatsap, Imo (chamadas de Video free) gostaria que tivesse essas redes sociais. Meu numero:  +258877774053
Fíngoè, Moçambique.
Alfredo Moisés Júnior( Dinho Camono )
Meus Cumprimentos.

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  2. Não estive em Chipera, por isso estas fotos não me dizem nada, mas sei avaliar quanto representarão para quem lá esteve. Obrigado ao Alfredo Moisés Júnior, pela gentileza e também ao meu amigo José Abílio, pelo lembrança e o sucesso que teve nesta pesquisa.

    ResponderEliminar
  3. ESTIVE EM CHIPERA DE PASSAGEM EM FINAL DE DEZEMBRO 1972 E VOLTEI A PASSAR EM OUTUBRO DE 1974 DA 1ªPASSAGEM NÃO FOI BOA NEM MAU NÃO SABIA O QUE ERA A GUERRA REPAREI EM CAMARADAS A SUA TRISTEZA POIS JÁ TINHAM SOFRIDO MUITO NA 2ªPASSAGEM VINHA COM ALEGRIA MAS AO MESMO TEMPO TRISTE POIS CAMARADAS MEUS NÃO TIVERAM A MESMA SORTE QUE EU TIVE AQUELAS PICADAS FAZIAM VIR Á MEMÓRIA SANGUE,SUOR E LÁGRIMAS QUE DERRAMEI ASSIM COMO MUITOS CAMARADAS MAS GRAÇAS A DEUS VIM INTEIRO.MUITO OBRIGADO AO ALFREDO MOISÉS QUE DEUS PROTEJA O POVO MOÇAMBICANO UM ABRAÇO FRATERNO A TODOS OS CAMARADAS QUE POR ALI PASSARAM E QUE AINDA HOJE ESTÃO NESTE MUNDO AQUELES QUE JÁ PARTIRAM QUE DEUS TENHA A SUA ALMA EM DESCANSO

    ResponderEliminar

O BCaç 3843 agradece o comentário.