domingo, 5 de junho de 2011

19º ENCONTRO 2011

Para os menos atentos, poder-se-ia pensar que o Encontro deste ano iria ser igual ao de anos anteriores, mas não. Tal não aconteceu e como estava previsto a participação este ano foi muito boa. Aos poucos vamos tendo a capacidade de conseguir trazer mais elementos para o ceio da família do BCaç3843. Deixo aqui estas fotos representativas do momento de confraternização, em que todos se preparavam para degostar os seus deliciosos farnéis.

 A foto de baixo indica o momento solene da Eucaristia, em que o nosso Capelão padre Gonçalves, celebrava uma missa em memória dos ausentes e presentes.
 
Na sua omilia o padre Gonçalves salientou o facto de alguns camaradas não poderem ter estado presentos por motivos de força maior. Um dos camaradas que eu esperava encontrar este ano, era o meu companheiro de quarto Artur Duro, mas infelizmente a esposa dele tinha falecido. Ao Duro desejo do fundo do coração que consiga ultrapassar esta fase menos boa da vida, de modo a que para o ano nos voltemos a encontrar. Eu sei bem quanto o Duro gostava da sua companheira.
 Aqui, um momento muito especial, em que o nosso Comandante Figueiredo, junto ao vitral a S.António, meditava e agradecia por nos ter sempre guiado pelo melhor caminho.

Depois, como não podia deixar de ser passámos à fase seguinte, a da degostação dos farnéis.
(para ver maior clicar sobre as fotos)
Nesta foto podemos ver a satisfação do Almendra, ao lado do seu bólide! Em conversa confidenciou-me que tem percorrido o País, indo a encontros, onde se juntam velhas relíquias de quatro rodas, claro.
Momento em que o nosso Comandante Figueiredo discursava, relatando mais um dos episódios da guerra. A emoção pairou por momentos sobre todos nós e houve mesmo quem se tivesse emocionado um pouco mais.
Depois foi a mensagem de despedida e o adeus, até ao próximo encontro.
Para terminar o BCaç 3843, agradece a participação de todos, na recolha dos bens alimentares, que foram entregues à Paróquia de Marrazes, através do nosso capelão, padre Gonçalves. Lá estaremos, enquanto tivermos força e ânimo para seguir em frente.
Até para o ano!

Sem comentários:

Enviar um comentário

O BCaç 3843 agradece o comentário.